Gratuito e em live streaming, “Tinto no Branco” regressa amanhã para a sua 6ª edição

Livro inédito de fotografia “A Voz do Dão”, de Adriano Miranda e Nuno André Ferreira, é lançado e apresentado na estreia dos Encontros Literários de Viseu

É já amanhã, dia 4 de dezembro, que o “Tinto no Branco”, o festival literário de Viseu – que este ano se assume como um programa de encontros literários – tem início, num formato 100% digital, gratuito e com transmissão em live streaming para todos os espectadores, através das páginas de Facebook do Município de Viseu e Visit Viseu, e do site www.tintonobranco.pt.  

A abertura oficial, através do pequeno ecrã, ocorrerá pelas 18 horas, e contará com a presença do Presidente da Câmara Municipal de Viseu, António Almeida Henriques, e do Vereador da Cultura e Turismo, Jorge Sobrado. A atriz viseense Florbela de Sá Cunha é quem dará o mote ao arranque desta 6ª edição do “Tinto no Branco”, com a leitura de um excerto da obra “Terras do Demo”, de Aquilino Ribeiro, momento seguido de um brinde ao Dão.

Para a estreia desta edição, está marcada uma apresentação, pelas 19 horas, que promete “abrir o apetite” de todos os amantes da gastronomia viseense. A coleção “Viseu Sabe Bem”, uma iniciativa editorial do Município de Viseu, da autoria de Alberto Correia, é trazida à luz do dia, através de um conjunto de 12 fascículos que contam as histórias e segredos de alguns dos sabores mais característicos da cidade-região. Uma apresentação que conta ainda com a presença do Vereador Jorge Sobrado, do Chef Diogo Rocha e do historiador Luís Fernandes.

Segue-se, pelas 21H30, a apresentação do livro “A Voz do Dão”. Um registo fotográfico inédito de uma viagem ao coração do mundo rural e do Dão vinhateiro, pelas lentes dos fotojornalistas Adriano Miranda e Nuno André Ferreira, que aqui dão a conhecer o ADN das gentes e as tradições e costumes dos que cultivam esta arte do vinho na região. Um legado único cujo livro conta ainda com o design de Paulo Morgado. Os três – a par do Diretor do jornal Público, Manuel Carvalho, marcam presença neste momento, cuja moderação está a cargo do Vereador Jorge Sobrado, também ele coautor dos textos desta obra.

O dia termina com o apresentador e jornalista Mário Augusto, Embaixador de Viseu para o cinema, que protagoniza uma sessão intitulada “A cidade e o cinema”, pelas 22H30, e na qual nos falará sobre a relação umbilical e a influência recíproca entre e urbe e a Sétima Arte.

Ao longo do fim de semana, até domingo, 6 de dezembro, cruzam-se outros grandes nomes da literatura, dos vinhos, do cinema, da televisão ou do teatro. É o caso dos atores brasileiros Antonio Fagundes e Patrícia Pillar, mas também dos atores Rita Blanco, Catarina Wallenstein e Filipe Vargas; a crítica de vinhos britânica Jancis Robinson; o galardoado escritor Mia Couto; os produtores Sol de Carvalho e Tino Navarro; os jovens realizadores viseenses Afonso e Bernardo Rapazote; ou o escritor e argumentista Rui Cardoso Martins.

É também no “Tinto no Branco” que têm palco os autores de Viseu, que aqui irão apresentar as suas mais recentes obras literárias: Dionísio Vila Maior, com “Orfeu sem mim”, e Jorge Marques, com “Mar de Guitarras”. A par das apresentações de livros, as propostas destes Encontros Literários passarão também por “mesas de debate”, entrevistas de vida e ainda um espetáculo de poesia, protagonizado por Isaque Ferreira e Rui Spranger, dois rostos já conhecidos do “Tinto no Branco”. Um workshop de fotografia para Instagram, com o artista Luís Belo, integra também o programa.

O Município de Viseu é responsável pela organização dos Encontros Literários “Tinto no Branco”, sendo a VISEU MARCA parceira na produção e comunicação. A GALP, a Litocar e a FNAC são patrocinadores da iniciativa. A produção executiva está a cargo da The Book Company/Booktailors.